quinta-feira, 29 de outubro de 2015

INSONIA

casa de telha
ouço pássaros
portas batendo
ouço carros
passos descendo
o morro
às pressas
vejo no escuro
do quarto velho
entrar nas brechas
da telha do teto
raios de luz
anunciam que é dia
a quem não viu
a madrugada partir
tomam café
preparam a marmita
a estação é logo ali
ouço o trem seguir
- é o japeri!
ainda não senti
minha cama
-insonia
preciso dormir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

-

-