terça-feira, 22 de setembro de 2015

MULHER RIO

faz de mim rio 
num ereto que banha
cascatas que deságua 
em um fluxo de gozo 
as margens do meu corpo

-

-