sábado, 27 de dezembro de 2014

oitavo andar

Estourou o limite do cartão de crédito. Comprou um lindo vestido tubinho, uma sandália com salto bem alto como nunca tivera coragem de usar antes. A maquiagem mais cara e se arrumou. Abriu a janela e sem pensar se atirou. O sonho dela era morrer em grande estilo.

SOLIDÃO E DEVANEIOS

cura com afeto
medo e abandono
mentiras e omissões
entrega e projeções
expectativas e frustrações
lingerie e corpo
cama e gozo
olhos e choro
coração e dor
mesa pra um
salto alto
batom vermelho
se amar e celebrar
depositar o amor
esperar os juros render
sacar aos poucos
investir na alma
Sou só
devaneios.

-

-